Buscar

Julho Turquesa


Talvez você já tenha ouvido falar do Julho Turquesa, mas o que essa campanha representa?

Em uma parceria da APOS (Associação dos Portadores de Olho Seco) com a TFOS (Tear Film Ocular Surface Society) foi instituído no ano de 2017 a campanha anual do Julho Turquesa, campanha qual possui o objetivo de disseminar informação sobre a síndrome do olho seco, doença que afeta milhões de pessoas principalmente com novos hábitos de isolamento social.


O que é a Síndrome do Olho Seco?

O olho seco, ou síndrome do olho seco, é ocasionada pela diminuição da lubrificação dos olhos, ou seja, por algum motivo as glândulas lacrimais produzem lágrimas de baixa qualidade ou em qualidade insuficiente para manter a umidade ideal. Estão entre as principais causas: A idade (pessoas acima de 40 anos), remédios hormonais e fatores ambientais que influenciam na evaporação da lágrima como fumaça, poeira, clima seco e ar-condicionado.


Diagnóstico

Para ter excelentes resultados no tratamento, é necessário um excelente diagnóstico para detalhar a situação atual da produção e da qualidade das 3 camadas da lágrima (Lipídica, Aquosa e Mucosa).

Uma das melhores formas de se diagnosticar o olho seco é com a mais nova tecnologia, o IDRA (Analisador de Superfície Ocular), um equipamento que possibilita a análise da quantidade e qualidade das lágrimas bem como, um sistema com automação não invasiva para diagnóstico das disfunções das glândulas de meibomianas.


Tratamento

Existem diversas formas de tratamento para o olho seco. Dentre elas, por exemplo, o uso de colírios lubrificantes, antibióticos e anti-inflamatórios. Alimentação adequada e higiene palpebral são muito importantes também. Vale dar destaque para a luz pulsada, uma nova tecnologia, que é indicada para pacientes que possuem Olho Seco, causado por baixa produção de lipídios devido à disfunção das glândulas de Meibômio. Aplicado na proximidade das pálpebras inferiores, essa luz estimula as glândulas que produzem a camada lipídica da lágrima, melhorando sua qualidade.

10 visualizações0 comentário